sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

BEAUTY FAIR PARA MICROEMPREENDEDORES

Ações para o MEI movimentam Beauty Fair

26/11/2012

Setor de beleza representa 10% de microempreendedores individuais formalizados
Brasília - Os microempreendedores individuais (MEI) e profissionais que atuam na informalidade receberam atenção especial do Sebrae durante a Beauty Fair, a feira internacional de beleza que terminou nesta terça-feira (11) nos pavilhões da Expo Center Norte, em São Paulo. A instituição preparou atividades que vão de palestras a atendimentos para orientação e registro legal das atividades.
"Mostramos as vantagens e a importância da formalização, e divulgamos as ferramentas que temos para capacitar esses empreendedores", conta a analista-técnica do Sebrae, Karen Sitta. Ela explica que o registro formal garante, por exemplo, a cobertura previdência. Entre outras vantagens estão acesso a linhas de crédito especiais e oportunidade de prestar serviços para o setor público e outras empresas.
No estande do Sebrae foram oferecidas quatro palestras direcionadas exclusivamente aos MEI. Duas delas explicaram os benefícios da formalização e as exigências e orientações para quem pretende seguir esse caminho. Também foram divulgadas as soluções disponíveis para a categoria, como o programa Sebrae Empreendedor Indivisual (SEI), que trata de temas básicos para a gestão e fortalecimento de negócios.
A instituição também promoveu durante os quatro dias de feira atendimentos individuais. Os interessados garantiram ainda vagas gratuitas para os cursos SEI oferecidos pelo Sebrae via internet.
Levantamento recente feito pelo Sebrae mostra que de cada dez negócios formalizados na categoria, um é do setor de beleza. Eles formam um contingente de 280 mil MEI dedicados a esse mercado. "Precisamos criar condições para que esse público se desenvolva como empresário, para que entenda de gestão. É importante que tenha uma visão empresarial", afirma Karen.
Fonte: Sebrae Nacional
Mais informações para a imprensa:
Leandro de Souza
6132437852
ascom@mdic.gov.br

0 comentários:

Dí lo que piensas...