sábado, 10 de outubro de 2015

Mais de seis mil empresas participam do 'Compre do Pequeno' na Bahia; veja opções com descontos em Salvador

Movimento Compre do Pequeno Negócio acontece na mesma data em que se comemora o Dia da Micro e Pequena Empresa
Priscila Natividade (priscila.oliveira@redebahia.com.br)
Atualizado em 05/10/2015 15:40:00
  
A empresária Ana Paula Pereira chega a fabricar cerca de 500 peças  por mês no seu ateliê.
A expectativa é aumentar o faturamento em 30% 
(Foto: Angeluci Figueiredo/CORREIO)
Aquela lojinha que dá para encontrar ali perto de casa e ainda um site onde vende um produto personalizado e diferente têm mais valor agregado do que se imagina. Esta é a ideia que o Serviço de Apoio à Micro e Pequena Empresa (Sebrae) quer mostrar ao consumidor, com a promoção do Movimento Compre do Pequeno Negócio, que acontece hoje em todo país, na mesma data em que se comemora o Dia da Micro e Pequena Empresa.  
Só na Bahia, 6.042 empresas já estão cadastradas para participar do movimento. E o número de microempreendedores individuais no estado (328.693) já ultrapassa ao total de empresas de micro e pequeno portes (278.292).
Os números expressivos no estado são vistos pelo Sebrae como uma alternativa de oxigenar as vendas no varejo, que já amarga com a crise uma queda de 2,2%, como assegura o superintendente do Sebrae na Bahia, Adhvan Furtado.
“Comprar do pequeno, além de valorizar o comércio de bairro e o desenvolvimento regional, é uma forma de  desenvolver a economia”. 
Segundo ele, as pequenas e microempresas têm mais condições de se adaptar à crise e ofertar produtos e serviços que podem estimular o consumo.
“Mesmo com a dificuldade, as pessoas não param de consumir. As empresas pequenas têm essa vantagem de adequar com mais agilidade o seu portifólio de produtos, buscar promoções  e se aproximar ainda mais do cliente”, reforça Furtado.   
Bom negócioFlexibilidade que fez com que a empresária Ana Paula Pereira, da By Aninha Acessórios, buscasse alternativas para aumentar o volume das vendas, principalmente já pensando nas festas de final de ano. No ateliê, ela chega a produzir até 500 peças por mês.
“Vou focar em produtos cada vez mais personalizados e baratear a minha produção ao máximo para aumentar as vendas, principalmente, porque nesse período as pessoas procuram mais lembrancinhas em vez de presentes mais caros”, planeja Ana Paula.
Além das bijuterias e dos acessórios masculinos e femininos que produz, Ana Paula aposta também em chaveiros artesanais e artigos de papelaria como bloquinhos, agendas e cadernos. A estratégia da empresária é buscar competitividade com o preço e aumentar o faturamento em até 40%. “Tenho produtos a partir de R$ 10. O item mais caro custa R$ 60. Sem dúvida, o preço é um diferencial muito forte diante dos valores que estão sendo praticados no mercado”, afirma. 
E se é mesmo preço que quer o cliente, o também empresário Fábio Santos viu na crise a oportunidade de diminuir os custos e ao mesmo tempo aumentar a receita da Canecas Pontocom em até 30%. “Fechei a loja física e vou manter apenas o e-commerce, já que vende mais e o custo de manutenção é bem menor”.
O empresário irá aproveitar a sobra para investir mais em marketing e melhorar a logística para movimentar  a loja virtual. “Apesar da crise, a gente está buscando outras formas de não deixar se abater e transformar isso em bom resultado”, diz. Em apoio ao Movimento Compre do Pequeno, só nesta segunda-feira, a loja virtual da Canecas Pontocom vai dar 30% de desconto para quem compartilhar a promoção no seu perfil  do Facebook ou do Instagram.
publicidade
SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR
Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ao comentar o autor da mensagem esta aceitando os Termos e Condições de Uso.

COMENTÁRIOS DAS REDES SOCIAIS

"Elas sabiam", diz suspeito de infectar mulheres com HIV de propósitohttp://t.co/b4sQpgXD0H
6 horas
  
Jornal Correio
Ex-Globeleza radicaliza e aparece com cabelão loiro; veja http://correio.vc/az9
5 horas
Lateral do Flamengo é flagrado por mulher com prostitutas na cama, diz colunistahttp://t.co/4rtzbhEjA3
7 horas
  
Jornal Correio
No Barradão, Vitória encara o Boa Esporte para encostar no Botafogo; siga em tempo real http://correio.vc/aAa
6 horas
"Pode pressionar, eu não renuncio", diz Eduardo Cunha neste sábadohttp://t.co/1I42qVZiIG
7 horas
  
Jornal Correio
SÃO PAULO: Criança é obrigada pela mãe a fazer sexo por moradia http://correio.vc/aAg
2 horas
SÃO PAULO: Criança é obrigada pela mãe a fazer sexo por moradiahttp://t.co/HGUFJ2gMZ6
2 horas
  
Jornal Correio
Brasil precisa admitir que perdeu o respeito para evoluir, diz Luiz Gustavo http://correio.vc/aAf
2 horas
Brasil precisa admitir que perdeu o respeito para evoluir, diz Luiz Gustavohttp://t.co/TSaXlFCvhZ
2 horas
  
Jornal Correio
Corpos de baiana de acarajé e filha mortas em Praia do Forte são sepultados http://correio.vc/aAe
3 horas
Cada vez mais perto do acesso, Vitória derrota o Boa Esporte no Barradão e cola no líder Botafogo http://t.co/mH0PTkPHSU
3 horas
  
Jornal Correio
Cada vez mais perto do acesso, Vitória derrota o Boa Esporte no Barradão e cola no líder Botafogo http://correio.vc/aAd(Foto: Arisson Marinho/Arquivo...
3 horas
Xô inchaço! 5 dicas simples para evitar a retenção de líquido http://t.co/Gpdi8csdPH
5 horas
  
Jornal Correio
Segurança é morto e PM baleada em tentativa de assalto em shopping no Rio http://correio.vc/aAc
4 horas
Ex-Globeleza radicaliza e aparece com cabelão loiro; veja http://t.co/EFnvNnql0h
5 horas
  
Jornal Correio
www.correio24horas.com.br/guia
4 horas
No Barradão, Vitória encara o Boa Esporte para encostar no Botafogo; siga em tempo real http://t.co/m7xgzJVWhs
6 horas
  
Jornal Correio
Xô inchaço! 5 dicas simples para evitar a retenção de líquido http://correio.vc/aAb
5 horas
Apresentadora Bela Gil confirma estar grávida do segundo filhohttp://t.co/ADO9kciL1h
6 horas
  
Jornal Correio
Lesionados, David Luiz e Marcelo Grohe são cortados da Seleção Brasileira http://correio.vc/az=
5 horas

0 comentários:

Dí lo que piensas...